dark

Segurança e Eficiência do ClassicPress

avatar
Saiba mais detalhes importantes e opções de segurança para o ClassicPress
Segurança e Eficiência do ClassicPress 4
Total Views :

Existe muito pouca literatura a respeito do CP, por isto estou me dedicando em alguns posts para que muitos saibam as vantagens de se utilizar o WordPress 4.9 atualizado e sem o Guttemberg.

Experiência de uso

É impressionante como as funcionalidades do ClassicPress, são eficientes. Em nenhum momento, desde o início da instalação, tive qualquer problema com plugins compatíveis. É instalar e imediatamente sentir as mudanças.

Com relação aos plugins não compatíveis, o ClassicPress simplesmente emite uma notificação no painel de administração, e ao contrário do WordPress, segue seu caminho, sem quebrar, sem telas brancas e sem gerar qualquer erro no php.

Eu testei o CP em diversos tipos de acessos, 3g/4g e conexões precárias e com diversos navegadores. A performance é realmente muito melhor do que o WordPress 5.x.x.

A questão segurança é um dos itens que a equipe de desenvolvimento leva muito a sério e quanto a isto são inflexíveis. Ou seja, se um plugin lindo e maravilhoso oferecer qualquer risco de segurança, já era, pode tirar o cavalinho da chuva, vai ficar chupando dedo sim.

Para exemplificar, listarei algumas tarefas que, em momento algum apresentaram erros quando executadas.

  • Uploads de Imagens
  • Upload de textos
  • Edição de posts
  • Edição de posts por aplicativos de smartphones
  • Uploads de imagens por aplicativos de smartphones
  • Ícones do site (branding)
  • Ajustes e Configs em plugins

Todas estas tarefas apresentavam algum tipo de problema em determinadas circunstâncias, quando o WordPress 5.x.x era utilizado. Não se trata de dizer aqui que o WordPress é ruim, mas, no meu caso, eu nunca tive tanta paz, tanto sossego, como antes do lançamento do Guttemberg no WordPress, e depois de descobrir o CP. Acontece que no ClassicPress tudo funciona como deve funcionar, e muito desta paz de espírito, se deve ao belíssimo trabalho de atualização do núcleo e das diretivas de segurança.

Claro que meu objetivo aqui não é fazer você mudar todo o seu sistema, mas como existem poucas referências na net, então nada melhor que falar sobre ClassicPress em todos os seus detalhes. Até mesmo porque quem obteve a grata experiência de utilizar WordPress pré Guttemberg, saberá o que é estar no paraíso.

Na prática, é instalar e começar a produzir conteúdo, nada mais nem menos. Aliado a simples, porém poderosos, rápidos e muito bem estruturados plugins, o conjunto proporciona alto desempenho com economia de recursos. É muito suave desenvolver conteúdo com o ClassicPress, e aí a identificação com uma pena em seu logotipo.

Se você se preocupa com segurança, o Shield Security é altamente recomendado. A versão free já fornece um leque de opções muito interessantes, e claro, eficientes.

De antemão, fica o alerta para as configurações do Shield Security, que devem ser analisadas com muito cuidado, pois caso houver erro nas opções de senhas e firewall, você poderá perder o acesso ao painel do seu site. Este plugin de segurança realmente é severo e efetivo.

Caso você queira tirar dúvidas, saber como anda o desenvolvimento do CP, acesse o fórum onde inúmeras dúvidas e problemas são debatidos.

O CP sem dúvidas é promissor, embora alguns desenvolvedores de plugins iniciais tenham desistido em algum momento, de produzir especificamente para o CP. No entanto, muitos outros programadores continuam a se desdobrar para manter repositórios no gitthub.

O melhor do CP é que não há necessidade de ficar se preocupando com formatação em blocos. Imagens de qualquer tamanho podem ser embutidos no conteúdo, que manterá as proporções exatas em uma bela apresentação, nada de ficar editando, cortando daqui, esticando de lá. O CP trabalha de maneira independente das redes sociais, proporcionando uma excelente visualização final, com acabamento impecável.

Já realizei testes com a versão beta do WordPress 6 que está prestes a ser lançado, e muito pouco foi adicionado em termos de aprimoramento. O W6 está realmente tentando competir com construtores de sites, como o elementor, por exemplo, e isto é um caminho sem volta. O foco do WordPress deveria ser apenas uma bela plataforma de gerenciamento de conteúdo, mas resolveu trilhar um caminho que certamente o colocará em desvantagem. Infelizmente o núcleo se mantém focado em blocos, e a cada bloco novo no WordPress, só está servindo para levantar um muro bem alto entre usuários. Vida longa e próspera ao ClassicPress.

Total
18
Shares
Previous Post
WhatsAppHouse a tendência club desembarca no mensageiro 5

WhatsAppHouse a tendência club desembarca no mensageiro

Next Post
Ritmo acelerado na Apple 6

Ritmo acelerado na Apple

Related Posts